Amo Cachorros

Tudo sobre cães e o universo canino

Evento: Final do Campeonato Brasileiro de Agility

25 de março de 2011  •  Eventos

Os apaixonados por animais poderão ver, gratuitamente, os melhores atletas de agility do país.
Mais de 120 duplas de cães e condutores devem estar na disputa, que conta pontos para o campeonato mundial do esporte.

AgilityAgility
Agility

No próximo final de semana – dias 26 de 27 de março – a partir das 9h, acontece a final do Campeonato Brasileiro de Agility, no Hotel Fazenda para cães Clube de Cãompo, localizado em Itu-SP (a 90 km da capital). O evento reúne profissionais do esporte, amadores, criadores e amantes de animais em geral e é uma ótima oportunidade para toda família conhecer o agility, trocar informações sobre os animais e colocá-los em contato com a natureza.   

Baseado em provas hípicas, o Agility é praticado por duplas formadas por cães e condutores, que percorrem uma pista composta por diferentes obstáculos. O grande desafio da modalidade é fazer com que o mascote complete o percurso em pouco tempo e com poucos erros. Tudo isso sem o auxílio de uma coleira ou uma guia. "O mais bacana desse esporte é ver que os cães se divertem enquanto estão na pista!", aponta o responsável pelo Clube de Cãompo, Aldo Macellaro Jr.

A entrada para o evento é gratuita e os cães também são bem-vindos. Voluntariamente, os visitantes poderão levar 1 kg de alimentos não perecíveis que serão doados a entidades locais. Quem quiser levar para casa um cãozinho abandonado e ter um novo companheiro de estimação terá uma oportunidade na feira de adoção da ASPA - Associação de Socorro e Proteção aos Animais de Itu, que abriga mais de 300 cães.

O evento possui infraestrutura completa com estacionamento gratuito, praça de alimentação, arquibancadas cobertas e uma grande área verde com 5.000 m2 onde os cães poderão brincar. Uma pista de agility paralela será montada para quem quiser se aventurar no esporte.

Conheça o Agility
Baseado em provas hípicas, o Agility é praticado por duplas formadas de cão e condutor. O objetivo do esporte é percorrer uma pista composta por diferentes obstáculos no menor tempo possível e com o menor número de faltas, ou seja, é preciso ser rápido e cuidadoso para não derrubar, esquecer ou errar nenhuma parte da prova.

AgilityAgility
Cães praticando agility

Os obstáculos aprovados pelos órgãos que regulam o esporte são: saltos, viaduto ou muro, mesa, passarela, gangorra, rampa, slalom, túnel aberto, túnel fechado, pneu e salto em distância. "Os obstáculos não podem em hipótese nenhuma oferecer risco à saúde do animal", alerta o proprietário Hotel Fazenda Clube de Cãompo – que possui aulas para a prática do Agility - o médico veterinário Aldo Macellaro Jr.

Outra regra que torna a modalidade ainda mais encantadora é que o animal não pode ser tocado, nem estar preso por guias e coleiras durante o percurso. "Isso demonstra o entrosamento que existe entre o dono e o animal", pontua. "Dono e animal encontram prazer em completar cada uma das etapas que compõe a pista". 

Por que é bom para o cachorro?
O médico veterinário conta que para praticar o esporte o animal precisa aprender antes os comandos básicos de obediência - como o senta, fica, pula – e esse fator traz benefícios ao comportamento e ao relacionamento entre o proprietário e o animal.  "O animal vai ficar mais atento às ordens do dono tanto durante a pratica do esporte quanto na convivência diária".

O agility também melhora o condicionamento físico dos bichos, contribuindo para sua saúde e longevidade, reduzindo as chances de  sobrepeso e os problemas decorrentes dele. Além disso, a atividade física libera no animal hormônios relacionados ao bem-estar que reduzem os níveis de estresse e ansiedade muito comuns nos cães que passam muitas horas sozinhos.

AgilityAgility
Campeonato de agility

Quem pode praticar?
O proprietário do Clube de Cãompo explica que o esporte pode ser praticado por animais de todos os portes e raças. "As restrições são para animais que possuem algum problema cardíaco ou articular. Pelo risco da sobrecarga no órgão e membros fragilizados", explica.

A partir de um ano de vida o cão já está liberado para começar a aprender a prática esportiva. "Antes não é recomendado porque as cartilagens que compõem as articulações ainda estão se desenvolvendo. A ideia é evitar o risco de uma lesão". Ao contrário do que se pode pensar, mesmo animais já adultos podem aprender a saltar, desviar, se equilibrar e desvendar os túneis que compõem as pistas de agility. "O processo de aprendizagem é feito passo a passo, um comando de cada vez, um obstáculo a cada fase e todos os animais podem aprender", diz Macellaro. "Cães idosos requerem um cuidado maior por questões de saúde".

"Campeonato Brasileiro de Agility"
Data: sábado 26 e domingo 27 de março/2011
Horário: a partir das 9h
Local: Clube de Cãompo – Itu/SP - Rodovia SP 300 (Dom Gabriel Paulino Bueno Couto), km 94,5 – Itu/SP.
Entrada e Estacionamento: Gratuitos
Entrada liberada para cães
Informações: http://www.clubedecaompo.com.br/agility/
Twitter do Clube de Cãompo: http://twitter.com/caompo

Fotos: Divulgação