Amo Cachorros

Tudo sobre cães e o universo canino

Calendário “Vira-Latas de Raça”

28 de dezembro de 2010  •  Produtos Legais

Quem acompanha o Amo Cachorros, lembra do post que eu fiz recentemente a respeito do calendário “Celebridade Vira-Lata”. Apoio causas dessa natureza e divulgo de coração, pois sei que não é fácil lutar pelos animais abandonados.

Quanto mais pessoas trabalhando pelos animais, melhor.

Há uns dias, conheci outra turma que também tem um projeto super bacana: o "Calendário Vira-Latas de Raça". A renda obtida com a venda desses calendários é destinada 100% à proteção animal. Parte vai para a ONG SOS Vida Animal Londrina e o restante será utilizado nos mutirões de castração e outros materiais sobre guarda responsável. Informar e conscientizar a população sobre a posse e guarda responsável é muito importante!

Projeto Calendário Vira-Latas de Raça

O calendário está na sua segunda edição e o tema escolhido para o ano de 2011 foi "O envelhecimento saudável dos animais". O tema propõe uma reflexão sobre o abandono de animais idosos. É necessário atenção, carinho e dedicação quando o assunto é animal de estimação idoso. Não são apenas os seres humanos que precisam de cuidados especiais nessa fase. Infelizmente, muitos animais são "descartados" quando ficam velhinhos. O tema serve para que a população se conscientize de que animais não são objetos e devem ser tratados com respeito e dignidade!

Achei o conceito do calendário muito bom e adorei a frase que eles utilizaram para explicar o tema proposto para 2011: "Existem coisas que nunca envelhecem" e as palavras espalhadas nas páginas do calendário: Bondade, Confiança, Lealdade, Compreensão, Felicidade, Fidelidade, Amizade, Afeto, Gratidão, Alegria, Saudade, Amor.

Projeto Calendário Vira-Latas de Raça

Vale a pena conhecer o projeto, incentivar esse tipo de ação, colaborar e divulgar!

Os calendários custam R$ 15,00 e estão disponíveis para todo o Brasil, através do site do projeto. www.viralatasderaca.com.br

Equipe do “Vira-Latas de Raça”, parabéns pelo trabalho! :)

Esse post não é um publieditorial!